Sindicarne - Florianópolis
INDÚSTRIAS DE PRODUÇÃO E TRANSFORMAÇÃO EM PROTEÍNA ANIMAL
18/03/2020
Soja sobe em Chicago nesta 4ª feira, na contramão das outras commodities, e de forma frágil
O mercado da soja opera em alta na Bolsa de Chicago nesta manhã de quarta-feira (18)

Notícia Agrícolas

O mercado da soja opera em alta na Bolsa de Chicago nesta manhã de quarta-feira (18). Os futuros da oleaginosa, por volta de 7h20 (horário de Brasília), subiam entre 6 e 7,25 pontos nos principais contratos, levando o maio a US$ 8,31 e o julho a US$ 8,37 por bushel. 

Os leves ganhos que são registrados hoje na CBOT refletem uma tentativa de recuperação depois das perdas muito intensas dos últimos dias. Ontem, no entanto, o mercado chegou a ensaiar essa retomada, porém, terminaram o dia com estabilidade, marcando leves baixas. 

A recuperação da soja é frágil e segue na contramão da continuidade das perdas entre as demais commodities, como o próprio milho, que perde mais de 1% nesta manhã de quarta-feira. No petróleo negociado em Nova York, as baixas passavam de 6%. 

"A soja é praticamente o unico em terroritorio positivo. Após dia de certo alívio ontem, os mercados hoje de manhã voltaram a operar em baixa, seja entre as commodities, como o petróleo e bolsas na Europa e Ásia", explica o consultor de mercado Steve Cachia, da AgroCulte e Cerealpar.

Mais do que isso, Cachia explica ainda a pouca consistência da retomada dos preços da soja no mercado futuro norte-americano se dá ainda pela continuidade da China ausente com novas compras nos EUA. E até que isso aconteça, a pressão sobre a commodity continua. 

Tags: